quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Fathers and Daughters|2015


'Fathers and Daughters' é um filme que nos apresenta duas linhas temporais, a de Katie e Jack Davies enquanto pai e filha e uma outra linha temporal em que Katie já é crescida e tem de lidar com a vida face às experiências que a levaram ali.
Podemos comprovar o amor de pai e filha através do brilhante papel da pequena Kylie Rogers que foi uma Katie bastante convincente para mim, assim como Russel Crowe como pai.Não sei se foi pessoal, mas este filme significou bastante para mim e até me fez lembrar aquela música do John Mayer: 'Daughters'. Mostra-nos que somos reflexo das experiências que vivemos e que isso mexe com o nosso inconsciente, mesmo que não queiramos.

Passados 20 anos, Katie ( agora Amanda Seyfried) enquanto doutorada em Psicologia ajuda uma criança que perdeu ambos os pais e ainda assim não se consegue ajudar a ela própria, até que conhece Cameron (Aaron Paul) e isso de alguma maneira muda a sua vida e a ajuda-a a moldar a sua personalidade aos 25 anos.
'Fathers and Daughters' vem no plural, mas história centra-se apenas num pai e numa filha, em que o pai escrevia para a filha, sobre a filha e a filha vivia para o pai. São duas histórias de amor numa só.

2 comentários

  1. Parece-me um óptimo filme. Nunca tinha ouvido falar dele. Espero ver em breve.

    ResponderEliminar
  2. Quero muito ver!
    Por norma gosto dos filmes do Russel.

    ResponderEliminar

© the washing machine.
Maira Gall