terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Slated|Teri Terry


Não sabia o que esperar quando comprei o 'Slated', por impulso, porque vi aquela capa que transmite logo qualquer coisa, porque li a contracapa e este livro apanhou-me logo. No entanto, não comecei logo a lê-lo, tive outras leituras pelo meio. Mas no principio deste ano, decidi participar num desafio literário anual, e neste primeiro mês o desafio era começar uma série, decidi pegar em 'Slated'.
No início este livro foi um pouco confuso, mas quando entrei no ritmo já não o conseguia largar, dei por mim a ler por noite dentro, até ser quase de dia. É daqueles livros que tens de te lembrar de respirar porque te deixa tanto tempo sem ar. Todo aquele mistério e aquelas questões éticas que se levantam, é mais que um livro distópico.

Este livro narra a história de Kyla que é mais uma reiniciada nesta sociedade. Os reiniciados são pessoas que cometeram crimes, e que o governo lhes apaga os cérebros para lhes darem mais uma oportunidade neste mundo. No entanto, estes reiniciados são controlados por um objecto chamado Levo, este aparelho controla as emoções destas pessoas, para que não voltem a cometer crimes e não saiam das linhas do governo.
A partir daqui, tanta coisa acontece. O livro está mesmo bem escrito, ficamos lado a lado de Kyla, da mãe, do pai, de Amy, do Ben, e de tantos outros importantes para a história da Kyla.
Li este livro com a velocidade que Kyla corre e a sentir as páginas virar como ela sentia os pés bater no chão.

'It is one thing to ask questions, what do you do with the answers?'
-Slated,Teri Terry 

4 comentários

  1. Curiosa! Também o escolhi mas não para o mês de Janeiro....desejosa desta leitura. Boas leituras.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá! Já agora escolheste para que mês? Vais adorar tenho a certeza.

      Eliminar
  2. Vi este livro na Fnac no outro dia e prometi a mim mesma que o ia comprar!
    Hás de dar uma vista de olhos no Destinos Interrompidos, parece-me que é do mesmo género, já o li e só tenho coisas boas a dizer dele !!
    Beijinhos,
    Sofia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estive a ler a sinopse e parece-me que é mesmo do mesmo género.O Slated agarra mesmo, tens de ler!
      Beijinhos

      Eliminar

© the washing machine.
Maira Gall